Desapego

Alguém me disse uma vez que a maneira mais fácil de parar de amar as coisas que não te fazem bem é se desapegando delas. Segui esse conselho prometendo a mim mesma que iria conseguir cumpri-lo, mas ao invés de dizer que me desapeguei dessas coisas, prefiro dizer que "as deixei ir". Era um risco, mas eu havia de atirar para um dos lados, só espero ter escolhido o lado certo... Caso contrário esse seria mais um conselho que eu segui de uma maneira errada, e seria mais um motivo para continuar tentando. Conforme o tempo passa, deixar as coisas irem não fica mais fácil, fica menos difícil e elas não me fizeram falta, elas de alguma forma me salvaram, eu estava perdida entre beber as minhas palavras e suspirar os meus pecados, e elas me salvaram. É incrível como tudo fica mais fácil quando você começa a ver as coisas de outra maneira, é ainda mais incrível como você percebe que no fim tudo que você deixou ir embora, você não precisava.

Nenhum comentário:

Postar um comentário